Ações de divulgação do Projeto Memórias do Patrono da Educação Brasileira

Folderes foram produzidos com objetivo de contribuir com a pesquisa e com a ampliação do conhecimento.

o

Janeiro

 

     O Projeto contemplado na 3ª Edição do Prêmio de Modernização de Museus – Microprojetos, com o apoio do Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM e do Ministério da Cultura – MINC, está em sua fase final.


     Buscamos agora divulgar as ações realizadas, com o objetivo de contribuir com a pesquisa e com a ampliação do conhecimento dos que visitam o Centro de Referência Paulo Freire.


     Por meio do Projeto Memórias do Patrono da Educação Brasileira, foi possível elaborar e imprimir 500 folderes do projeto, juntamente a um pequeno kit com materiais que apresentam as ações desenvolvidas pelo IPF que estão sendo distribuídos na sede do próprio IPF aos visitantes e nos eventos em que participamos.


     Desde a criação até os dias atuais, o CRPF já atendeu mais de 5.000 pessoas do Brasil e dos seguintes países: África do Sul, Alemanha, Angola, Argentina, Austrália, Áustria, Bolívia, Cabo Verde, Canadá, Chile, China, Colômbia, Coreia, Costa Rica, Cuba, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Equador, Finlândia, França, Haiti, Holanda, Índia, Inglaterra, Itália, Japão, México, Moçambique, Nova Zelândia, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, Romênia, Suíça, Taiwan, Uruguai, Venezuela.


     Cada vez mais se faz necessário divulgar as ideias de Paulo Freire e graças ao projeto Memórias do Patrono da Educação Brasileira isso está sendo possível.