13º Seminário do CRECE - Conselho de Representantes dos Conselhos de Escola

Encontro acontece no dia 26 de novembro, das 9h às 13h, no Sindicato dos Especialistas de Educação do Ensino Público Municipal de São Paulo (Sinesp).

o

crece face1 01 

     O Seminário do CRECE, com o tema "Gestão Democrática e participação popular: garantindo direitos", acontece no dia 26 de novembro de 2016, das 9h às 13h, no Sindicato dos Especialistas de Educação do Ensino Público Municipal de São Paulo (Sinesp) e tem apoio do Instituto Paulo Freire.


     O objetivo do encontro é o de ampliar o debate em torno dos desafios da gestão democrática no âmbito da unidade educacional, das Diretorias Regionais de Educação (DREs) e da cidade de São Paulo diante do contexto político em que estamos inseridos.


     Como os Conselhos de Escola e os CRECEs vão se organizar para fortalecer a participação popular no interior da escola? O que é essa Escola Sem Partido? O que significa o "sem" dessa escola? O que essa proposta quer excluir, tirar, da escola? "Escola Sem Partido" para quê? Que direitos nossos estão ameaçados? Qual o papel do CRECE e dos Conselhos de Escola na luta pela garantia dos direitos conquistados? Estas são algumas questões que se pretende discutir no Seminário.

 

O que é o Conselho de Representantes de Conselhos de Escola


     O CRECE é um conselho que tem como fim o fortalecimento dos conselhos de escola e a busca da efetivação do processo democrático nas unidades educacionais e nas diferentes instâncias decisórias visando a maior qualidade da educação. Tem caráter deliberativo, respeitando a legislação vigente.

 

 

13º Seminário do CRECE - "Gestão Democrática e participação popular: garantindo direitos"

Data: 26 de novembro de 2016 (sábado)

Horário: Das 9h às 13h

Local: Sinesp - Sindicato dos Especialistas de Educação do Ensino Público Municipal de São Paulo

Endereço: Praça Dom José Gaspar, nº 30 - 3º andar - Centro - São Paulo (SP) - Próximo à Estação República do Metrô

 

 

Obs.: A entrada é franca. Solicita-se a cada participante que leve um objeto que simbolize a "denúncia" (a ameaça à educação na sua região ou na sua escola) e um objeto que simbolize o "anúncio" (a potência, a força, a resistência na sua escola ou na sua região). Os objetos devem estar relacionados ao tema do encontro, ou seja, ‘denúncia’ e ‘anúncio’ relacionados à Gestão Democrática e participação popular: garantindo direitos.